Acesse a Plataforma

Para colaboradores recém-contratados, adaptar-se à realidade da nova empresa pode ser uma etapa bastante desafiadora. É preciso se familiarizar com um novo clima empresarial, diferentes tecnologias, processos e colegas de trabalho distintos. Nesse contexto, desenvolver medidas eficientes para a integração de novos colaboradores é fundamental para que os novos integrantes fiquem bem entrosados com o restante do time.

Diante disso, a ambientação é importante para proporcionar maior interação, esclarecer quais são as expectativas e posturas desejadas, alinhar os interesses e, consequentemente, acelerar a adaptação para que o colaborador alcance bons resultados. Deseja receber bem os seus novos colaboradores? Confira, abaixo, como fazer um processo de integração assertivo!

Conheça a importância da integração

Define-se o processo de integração como o mecanismo pelo qual os colaboradores novatos são apresentados aos conhecimentos necessários, comportamentos adequados e habilidades exigidas para desenvolver as suas funções na nova empresa.

Não conhecer os colegas, o ambiente e as atividades da forma correta faz com que o colaborador demore a se adaptar, não consiga dar o seu melhor e acabe prejudicando a produtividade da equipe num todo e, em último caso, peça a demissão.

Fale sobre a história da empresa

A adaptação e desempenho do colaborador podem se tornar naturais quando ele entende a cultura da empresa, e isso começa a partir da apresentação da história da organização. De preferência, elabore uma apresentação com a linha do tempo da empresa, mostrando os seus melhores momentos, fases de superação, missão, visão e valores.

Ressalte as tradições que possam ser vistas como diferenciais e compartilhe experiências. Também é recomendável expor as principais siglas, termos e tipos de comunicação utilizados na empresa. Ao conhecer melhor a organização, torna-se mais fácil para o colaborador vestir a camisa e sentir-se parte do time.

Fale sobre o contexto atual

Coloque o colaborador a par do que está acontecendo na empresa desde o momento da contratação. É comum que muitas relações de trabalho não deem certo porque aqueles que foram contratados não entendem bem a sua função e tampouco como funciona o ambiente da empresa.

Sendo assim, é papel dos líderes facilitar a adaptação, colocando-os no cenário real da organização. Com isso, eles passam a produzir valor para a empresa no mesmo momento em que passam a fazer parte dela.

Para tal, sente-se ao lado de cada novo colaborador e fale sobre os projetos atuais e quais os objetivos do seu departamento antes do início das suas atividades. Dessa forma, eles poderão ficar mais à vontade para contribuir com ideias e para interagir com o time.

Receba-os com entusiasmo

Você se sentiria motivado se chegasse a seu novo emprego e se deparasse com o seu líder e companheiros de trabalho com cara de poucos amigos? Provavelmente, não. Então, não deixe que isso aconteça com as novas contratações. Procure causar uma boa impressão desde o começo.

Receba a todos com entusiasmo, conduzindo-os até os colegas e fazendo as apresentações necessárias. Essa atitude simples é capaz de criar um ambiente agradável e motivador para quem vai dar os primeiros passos na sua empresa.

Descreva os comportamentos desejados

Para que qualquer relação de trabalho seja bem-sucedida, é preciso que haja uma comunicação clara. Portanto, para evitar possíveis ruídos na comunicação, descreva, com clareza, quais são os comportamentos desejados dentro da empresa.

Aborde fatores ligados à função exercida e as suas atividades do dia a dia, relacionamento com os demais profissionais, normas estabelecidas para o ambiente, bem como as responsabilidades atribuídas a cada colaborador. Aqui, também vale ressaltar a importância de ser colaborativo, inovador e ter bom relacionamento interpessoal.

Apresente o ambiente físico

Desde como utilizar a impressora ou entregar um relatório para um gestor, essas são tarefas que podem se tornar complicadas se o colaborador não for bem situado, levando à perda de tempo e de produtividade. Por isso, apresente todo o ambiente físico para os novos integrantes, os equipamentos e a forma adequada de utilizá-los. Um bom caminho é fazer um tour por toda empresa e estimular os colaboradores a falarem sobre sua função ou algo sobre time.

Por fim, apesar de a integração de novos colaboradores ser benéfica para toda a empresa, é importante que ela seja feita na perspectiva do colaborador, considerando o que será útil e educacional para ele.

Gostou deste post? Siga as nossas redes sociais e acompanhe conteúdos exclusivos! Estamos no Facebook e no LinkedIn!

Sônia Padilha

Sônia Padilha

Especialista em Gestão de pessoas desde 2003, com formação na Fundação Getúlio Vargas, desenvolvendo projetos para pequenas e médias empresas, em diversos segmentos. Atuação de 19 anos na área de Educação, e a última experiência acadêmica como Professor Convidado na Pós Graduação da UNINOVE nas áreas Gestão Estratégica de RH e Consultoria Empresarial. Presidente da ABRH-SP – Regional Sorocaba.

Veja também

Cadastre-se para receber nossas novidades em seu e-mail: